facebook

RauLino| Abr


 

Título: Raul Lino – Um itinerário pelo património
Acrónimo:
RauLino| Abr
Referência: CFPI2020/07
Techn&Art área preferencial:
Desenvolvimento Sustentável e Valorização do Património Cultural
Financiamento: 10 393,00 €
Âmbito:
Nacional
Região:
Abrantes (Santarém)

Resumo:
O vasto legado construtivo do arquiteto Raul Lino (1879-1974) está disseminado por todo o território nacional, encontrando-se relativamente bem estudado e documentado nos centros urbanos de maior dimensão e expressão mediática, e.g. Lisboa, Sintra e Cascais, onde a sua obra é mais numerosa e facilmente reconhecida. Excluindo estes centros urbanos, pode-se afirmar que o concelho de Abrantes, um território do interior de Portugal com baixa densidade demográfica, detém uma das maiores concentrações de edifícios cujos projetos de arquitetura são da autoria de Raul Lino. Tratam-se, na sua maioria, de edifícios residenciais, mas também se incluem edifícios com outras tipologias de uso. Estes projetos de arquitetura referem-se a construções de origem, bem como a alterações ou readaptações de edifícios previamente existentes.
A produção arquitetónica de Raul Lino, que foi edificada no concelho de Abrantes, carece de um estudo específico que permita sistematizar as perspetivas arquitetónicas e construtivas das suas obras, e que simultaneamente garanta a base de conhecimento necessária para a divulgação desse importante património construído.
O projeto que se apresenta propõe-se identificar, localizar, analisar, interpretar e sistematizar os projetos de arquitetura da autoria de Raul Lino que foram edificados, no concelho de Abrantes, contribuindo para aprofundar o conhecimento da sua obra. Em paralelo, pretende-se que esse conhecimento seja acessível ao público, através do desenvolvimento de produtos que envolvam reduzidos efeitos nocivos para o meio ambiente, e cuja operacionalidade seja compatível com dispositivos móveis de uso amplamente disseminado na atual sociedade, permitindo aceder facilmente a informação, a qualquer hora e a partir de qualquer lugar.
O desenvolvimento do projeto divide-se em três fases: a primeira, fase 1, corresponde a trabalho de campo para a pesquisa e consulta de fontes, e a recolha de dados; na segunda fase, ou fase 2, procede-se à análise e interpretação dos dados colhidos, à elaboração de uma base de dados, bem como à definição, estruturação e desenvolvimento da expressão visual e grafismo que os produtos finais irão incorporar; na terceira fase, ou fase 3, refletem-se os resultados, através do desenvolvimento de 2 programas informáticos destinados a dispositivos móveis (com sistemas operativos android e iOS), e da organização de um encontro científico sobre Raul Lino. Neste evento serão convidados investigadores da obra de Raul Lino, e apresentados os resultados globais do presente projeto. Os produtos finais do projeto integrarão a estrutura gráfica desenvolvida na fase 2 do projeto.
A novidade do projecto revela-se em três vertentes distintas e que se traduzem da seguinte forma: 1) na produção dos primeiros guias virtuais da obra arquitetónica de Raul Lino, concretamente para o edifício da Assembleia Municipal e para o conjunto de edifícios existentes no concelho de Abrantes; 2) na disponibilização imediata do conhecimento desenvolvido, através de meios consolidados e amplamente difundidos na sociedade, e cujos recursos envolvidos são consistentes com os princípios de desenvolvimento sustentável preconizados pela Agenda 2030 (A/RES/70/1); e 3) na cooperação de áreas e valências científicas e técnicas existentes no IPT e tão diversas como Arquitetura e Engenharia Civil, Engenharia Informática e Design e Artes Gráficas, para a concretização de um estudo no domínio do património arquitetónico construído.
Os resultados expectáveis traduzem-se na interpretação arquitetónica dos edifícios estudados e na sua caracterização construtiva ao nível dos materiais e das tecnologias construtivas, com base nos projetos de arquitetura e outras fontes coevas, e cuja informação será agregada numa base de dados. Estes resultados serão transpostos para um artigo escrito a submeter para uma revista técnico-científica no domínio do Património Cultural, e nas comunicações a apresentar no evento científico a organizar no âmbito deste projeto (e a realizar integralmente por via remota). Uma parte destes resultados será incluída nos 2 guias virtuais para dispositivos móveis. Adicionalmente, será desenvolvido um artigo a submeter num revista técnico-científica no domínio do Turismo, e uma comunicação a submeter para uma conferência internacional no domínio de Design e Artes Gráficas.
O projeto integra-se nas áreas que promovem o desenvolvimento sustentável e a valorização do património cultural esperando-se que os resultados contribuam para:
– Alargar os estudos sobre cultura arquitetónica e construtiva do século XX, em Portugal;
– Potenciar a relevância do património construído do concelho de Abrantes, designadamente o que se refere ao acervo arquitetónico da autoria do arquiteto Raul Lino;
– Aumentar a oferta cultural e turística através do conhecimento veiculado por ferramentas digitais facilmente acessíveis ao público, e com reduzidos efeitos nocivos para o ambiente.
Estes propósitos são congruentes com os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) da Agenda 2030 (A/RES/70/1), no que se refere à proteção e salvaguarda do património cultural (ODS 11.4), ao uso eficiente de recursos, e à redução da produção de resíduos (ODS 12.2 e 12.5), que, em conjunto, concorrem para o desenvolvimento do turismo sustentável (referido no ODS 12.8b).
Acredita-se que os produtos resultantes do projeto, que promovem a divulgação do legado arquitetónico de Raul Lino, capitalizem a sua obra na região do Médio Tejo e beneficiem igualmente o edificado existente, sobretudo o que materializa as influências do estereótipo “Casa Portuguesa”. Desta forma, é ainda expectável que tais resultados incentivem a conservação, manutenção e/ou recuperação deste género de construções nacionais, o que a longo prazo também refletirá a prossecução dos princípios de desenvolvimento sustentável.

Investigador Principal:
Inês Domingues Serrano. Ciência-ID: AF18-16E0-B0DC
Equipa de Investigadores:
Anabela Mendes Moreira. Ciência-ID: 021B-B941-E2C6
Regina Delfino. Ciência-ID: 3D14-472D-01C0
Paulo Santos. Ciência-ID: 7F19-9B6E-CB68
António Manso. Ciência-ID: AE17-1477-51C0
Pedro Matos. Ciência-ID: DB16-708F-48A3
Sara Morgado (colaboradora externa da Câmara Municipal de Abrantes)

Instituição proponente:
Instituto Politécnico de Tomar
Instituições parceiras:
Câmara Municipal de Abrantes (CMA)
Ordem dos Arquitetos (OA)

Data de início:01/01/2021
Data de Conclusão:
01/01/2023